Quarta, 05 de agosto de 2020
11961087400
Política

29/05/2020 às 14h22

211

INÁCIO TEIXEIRA

Poções / BA

Rui Costa entrega remédios em domicílios
A SESAB anuncia que fará entrega de medicamentos de uso contínuo na residência do paciente
Rui Costa entrega remédios em domicílios
Foto ilustrativa de uma uma entrega domiciliar

A partir desta sexta (29), cerca de 5 mil portadores de doenças crônicas de Salvador e Região Metropolitana vão poder passar a receber em casa, pelos correios, a medicação que faz parte do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica – CEAF, que é de uso contínuo.?

A medida está regulamentada pela portaria 215 da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab),  publicada nesta sexta-feira no Diário Ofical do Estado. Ela normatiza a entrega em casa de medicamentos para pacientes cadastrados no Sistema Único de Saúde – SUS portadores de transplantes, insuficiência renal crônica, asma, doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) , hipertensão pulmonar e lúpus.? “O objetivo da medida é diminuir ao máximo possível o fluxo de pacientes crônicos em unidades de saúde de Salvador e Região Metropolitana e, assim reduzir a vulnerabilidade da exposição ao novo coronavírus”, explica Renata Mundim, diretora da Assistência Farmacêutica (Dasf).?

O projeto da Sesab é coordenado pela Superintendência de Assistência Farmacêutica e Tecnologias em Saúde (Saftec), em parceria com as unidades de saúde, e tem o apoio operacional da Superintendência de Recursos Humanos (Superh).? Em condições normais, esses medicamentos são retirados pelos pacientes ou seus procuradores legais devidamente cadastrados, nas farmácias de quatro unidades: Hospital Ana Nery, HUPES (Hospital das Clínicas), Hospital Otávio Mangabeira e FIMAE -  Farmácia Integrada de Medicamentos da Atenção Especializada. ?

Inicialmente, o projeto vai alcançar pacientes cadastrados nas unidades farmacêuticas do Hospital Ana Nery e do FIMAE. Só na farmácia do Ana Nery tem quase 3 mil pacientes . Os correios terão um prazo de 48 horas para  efetivar a entrega da medicação, que é monitorada pela Sesab desde a sua expedição. Importante ressaltar que medicamentos que precisam de refrigeração não vão poder ser entregues.?
Interior -  O pacientes crônicos cadastrados no SUS e residentes no interior da Bahia, não vão ficar desassitidos. O Estado conta com 28 núcleos de base em cidades estratégicas, que dão apoio em unidades com farmacêuticos preparados para esse tipo de apoio.?


Luis Henrique Dutra, Superintendente da Assistência Farmacêutica , ressalta que os pacientes receberão medicamentos suficientes para dois meses. ?“Em virtude da Pandemia da COVID 19, foi necessário tomar diversas medidas no sentido de reduzir o risco de contágio nas nossas farmácias de dispensação. Entre as medidas adotadas, essa ação é voltada, sobretudo, aos pacientes mais vulneráveis”, enfatiza Dutra.?

 

FONTE: Secon/SESAB

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
Mais lidas
© Copyright 2020 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium